estratégia anti-bolhas

Ontem ao fim da tarde senti um ameaço de bolha na planta do pé direito onde me apareceu a bolha no UDP. A pele está bem e a bolha não apareceu, mas desde a tenebrosa experiência na UDP que fiquei com trauma de bolhas. Ando a testar combinações de meias e sapatilhas, mas já estou a perceber o que problema vai para lá disso – depende disso, mas vai para lá. Este site http://www.blisterprevention.com.au contem informação interessante (e gratuita) que ainda estou a processar. Podemos aceder ao guia avançado de “blister prevention” apenas dando o nosso e-mail para a newsletter. A leitura está a revelar-se interessante. Por exemplo:

Rubbing underneath the skin causes blisters, not on top of it! As the bone moves one way, the force of friction keeps the surface of the skin stationary. And the skin in between is made to stretch (shear). When shear is excessive and repetitive, it causes a tear just under the skin surface – the initial blister injury. Then it fills with fluid to become a blister. Rubbing underneath the skin (between skin layers) causes blisters. Rubbing on top of the skin causes the blister to deroof.

Não posso ir para o UTAX deixando entregue ao acaso o ter bolhas ou não. Espero já no próximo fim de semana testar a estratégia anti-bolhas que levarei para o UTAX.

blister care at an ultramarathon
blister care at an ultramarathon
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s